• pt-br

Paraquedistas são Loucos? A Verdade sobre Eles!

1 0

Imagine a cena: entrar em um avião, voar acima das nuvens e, em determinado momento, saltar da aeronave. Essa, com certeza, não é uma atividade que faz parte do dia a dia da maioria das pessoas e, para muitos, só pode ser coisa de gente louca!

Mas, e se dissermos que os paraquedistas são gente como a gente e não tem nada de loucura dentro deles? Confere só!

Educados e Bem-sucedidos

Na verdade, um grande número de paraquedistas possui um histórico educacional de ótimo nível e/ou são pessoas extremamente bem sucedidas em seus ramos profissionais. Não podem ser totais malucos, né?

Uma das possíveis explicações para esse fato é que paraquedistas tendem a serem pessoas curiosas e que prezam por precisão nas atividades que decidem se envolver. O mesmo pode ser dito daqueles que escolhem embarcar em programas de pós-graduação ou são extremamente bem-sucedidas em suas profissões.

Em um salto de paraquedas, por exemplo, é necessário ser muito preciso. A curiosidade fica por conta da necessidade de descobrir o que o mundo tem a nos oferecer após reunirmos a coragem de realizar determinada façanha, seja um salto de paraquedas, seja uma pesquisa de doutorado.

Viajantes e Sociais

Outra característica comum entre paraquedistas é o desejo de conhecer novos lugares e conhecê-los sob um ponto de vista diferente, quer dizer, sob um ponto de vista mais alto.

Paraquedistas gostam de viajar em busca de novos destinos incríveis e, sem dúvida, uma das maneiras mais belas de apreciar um lugar é vendo-o do alto.

Além disso, viagens para salto de paraquedas frequentemente significam novas amizades formadas no meio do caminho, pois o amor pela queda-livre é algo que une as pessoas. Ou seja, paraquedistas, além de não serem loucos, são potencialmente bastante sociáveis.

Disciplinados

Assim como todos os esportes, o paraquedismo requer muito treinamento, o que exige dos paraquedistas aprender muitas técnicas, passar por planos de treino, testes de aptidão e alguns cursos.

Saltar de paraquedas não é apenas se jogar, muito pelo contrário! Um salto de paraquedas demanda sempre muita precisão e disciplina em todo o procedimento.

Além disso, existem diversas modalidades de salto e, para cada uma delas, é preciso obter os respectivos certificados de qualificação. Não existe salto de paraquedas feito na loucura.

O que existe são pessoas que dedicaram muitas horas de treino, esforçaram-se e comprometeram-se em dar o seu melhor no esporte.


Calculistas (no bom sentido!)

Acima de tudo, paraquedistas são pessoas que assumem riscos calculados. Todas as etapas de um salto de paraquedas são planejadas.

Vários cenários hipotéticos são levados em consideração e o treinamento engloba estar preparado para a maior parte deles, a fim de evitar que as coisas saiam errado. E, se acontecer algum imprevisto, os paraquedistas também possuem um plano backup.

Essa é uma característica muito útil quando levada também para terra firme. Avaliar os riscos de uma decisão, saber as consequências desta e pesar na balança os prós e os contras é essencial na tomada de decisões.


E aí, algumas dessas características te atraem? Ficou curioso para experimentar a adrenalina e a liberdade de um salto?

A maneira mais simples de descobrir é experimentando um salto duplo e, para quem gostar da sensação e do que o esporte representa, embarcar em um verdadeiro curso de paraquedismo.

Imagens: SkydiveFoz

Deixe um comentário

*

Navegar